top of page
PHOTO-2023-09-25-08-28-43 4.jpg
Tom Zé 18.jpg

Tom Zé
Bortoloto

percussão

PHOTO-2023-09-25-08-28-43 6_edited.jpg
PHOTO-2023-09-25-08-28-43 4.jpg

Tom Zé Bortoloto é natural de Jacutinga, MG, onde iniciou seus estudos musicais de bateria e percussão aos dezesseis anos com Luiz Carlos Morgili. É bacharel em música com habilitação em Bateria pela Faculdade de Música Carlos Gomes em São Paulo, na classe do Professor Ronaldo Palleze. Licenciado também em música pela Universidade Vale do Rio Verde em Três Corações; pós-graduado em Docência do Ensino Superior pela Unig; em Arte em Educação pela Finon, Educação Musical pela Ucam e em Educação Musical e Ensino de Artes, pela Faculdade Única de Ipatinga.

 

Participou dos Festivais de Inverno em Tatuí nos anos de 1998 e 1999 tendo aulas com Luiz Marcos Caldana, Carlos Tarcha, Rui Carvalho e Javier Calvino, e no Festival Ritmos da Terra com Guello.

 

Foi chefe do naipe de percussão da conceituada Banda Filarmônica Cardeal Leme de Espírito Santo do Pinhal, SP, durante seis anos, onde conquistou vários títulos estaduais e nacionais. Também como chefe de naipe, atuou na Banda Sinfônica da Unicamp (Unibanda) por seis anos sob a orientação dos Professores: Carlos Lima, Glória Pereira da Cunha e Fernando Hashimoto.

 

Lecionou Bateria no curso técnico do Conservatório Estadual de Pouso Alegre, MG por 4 anos e na Universidade Vale do Rio Verde, Unincor, por 6 anos. Na Rede Claretiano de Educação, foi tutor on line por dois anos e elaborou o material didático da disciplina: Percussão como Instrumento Musicalizador. 

Com diversos cursos de especialização em bateria, percussão popular e sinfônica, hoje reside em Poços de Caldas onde é professor de bateria e percussão popular do Conservatório Musical Municipal de Poços de Caldas; professor de percussão sinfônica e orientador do grupo de percussão do Conservatório de Dramático e Musical Dr. Carlos de Campos de Tatuí em São José do Rio Pardo, SP; Chefe do naipe de percussão da Banda Sinfônica do Conservatório de Poços de Caldas, da Orquestra de Cordas e da Orquestra Sinfônica da mesma instituição.

 

É membro da Banda Filarmônica Vale do Sapucaí e professor do Festival Encantos de Minas. 

Possui vasta experiência em shows, bailes, concertos e gravações em estúdio e ao vivo, trabalhando e transitando por vários estilos e segmentos musicais, como música mineira, rock progressivo, pop rock, MPB, jazz, fusion etc. 

 

Atualmente é baterista da banda de rock progressivo “Recordando o Vale das Maçãs”, percussionista da “Orquestra de Câmara Vivace” e baterista do quinteto de metais “Jive for Five” e do musical “Cinejazz”. É músico patrocinado pela marca de pratos Orion Cymbals, peles Luen Drum Heads e Hot Line Bags. 

bottom of page