Uma das mais gratas surpresas da nova geração de instrumentistas da música brasileira e que fascina o público a cada apresentação, o virtuoso quinteto é formado por contrabaixistas da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais.

 

O grupo de jovens musicistas procura difundir o som do contrabaixo e, em seus concertos, explora todas as possibilidades de repertórios possivéis para o instrumento. Dessa maneira, Rebeca Furtado, Neto Bellotto, Pablo Guíñez, Valdir Claudino e Walace Mauricio buscam proporcionar ao público uma nova maneira de se ouvir a música popular brasileira. 


Criado em 2016, o DoContra apresenta em seu espetáculo chamado um pouquinho de Brasil obras de Vila-Lobos, Dominguinhos, Tom Jobim, Edu Lobo e João Bosco, Flavio Venturini, entre outros compositores, todos os arranjos escritos especialmente para o quinteto.

 

Neste mesmo ano o DoContra recebeu o Prêmio Mimo Instrumental.